O amor nos dias atuais

7.4.17



‘’O Amor tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.’’ 1 Coríntios 13:7.

Na era em que os relacionamentos são terminados via whatsapp, as juras de amor são deletadas do Facebook de uma hora para outra e os casais são formados via internet, está cada vez mais raro encontrar pessoas que nos permitem acreditar em ‘’amor verdadeiro’’ e na famosa frase clichê: ‘’felizes para sempre’’.


Não tem a ver com ‘’antigamente as pessoas conheciam o amor verdadeiro e hoje não’’. Não se trata de tempo. Trata-se de sentimento. E quando é de verdade, não tem hora, nem época. O que acontece hoje é que, assim como os anos passaram, com ele nosso pensamento passou e se modificou. Vivemos a era do desapego. Onde o amor parece ser mais um jogo, no qual o ganhador é aquele que permite que o orgulho o domine. Aquele que não demonstra, que não fala o que sente, que se diz satisfeito e grita aos quatro cantos estar bem sozinho é o grande campeão.

A falta de reciprocidade é uma das causas que mais tem acabado com relacionamentos vistos por muitos como ‘’perfeito’’. As pessoas esquecem de que o amor é como uma planta: deve ser cultivado e regado todos os dias. A falta de cumplicidade, sinceridade e confiança não permite as pessoas insistirem. Tentarem ser melhores. Afinal, pra que insistir se é mais fácil partir pra outra né?



O diálogo cede espaço a posts nas redes sociais. Os encontros vão se tornando mais raros e as brigas mais constantes. As pessoas não possuem mais disposição, muito menos paciência, para cultivar o amor. Com o passar dos anos, nos tornamos mais intolerantes e com vontade de gritar por aí nossas opiniões e pensamentos.

Queremos a todo o custo mudar o outro. E acabamos não nos dando conta de que isso não é da vontade do outro e que, sim, ele até pode mudar e ficar do seu jeito, mas pode ter certeza que isso não vai durar muito tempo. Pois cada um deve mudar por vontade própria. É preciso sim falar, e mais que isso, demonstrar, mas não é preciso obrigar ninguém a nada.

Talvez o que precisamos é um pouco mais de tolerância, saber esperar o tempo do outro, saber passar por determinadas coisas, pois cada um tem sua vida e seus compromissos e, muitas vezes, nos esquecemos disso.



            Esperar, suportar, crer e se fazer presente em todos os momentos. O amor precisa de muito mais do que uma simples troca de olhares. 


Imagens retiradas do Pinterest ♥ 

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar!
Críticas, sugestões e elogios são bem-vindos, pois ajudam a tornar o blog melhor para todos! ♥
Maiores informações entre em contato pelo e-mail contatoblogdup@gmail.com.
Muuuuitos beijos pra você e obrigada pela visita! ♥

Adaptado por Tanise Silveira. Blog DUP.. Tecnologia do Blogger.